Consultor de finanças pessoais: porquê ter um?

Um consultor de finanças pessoais é a pessoa que deves procurar se quiseres melhorar a gestão das tuas finanças pessoais.

Estes profissionais ajudam pessoas a gerir o seu dinheiro e a apoiar o crescimento de empresas.

Consultor de Finanças pessoais a aconselhar-me
Consultor de Finanças pessoais a aconselhar-me

É normal que em situações em que a tua vida se altere, penses que precisas de orientação profissional. Falar sobre consultores de finanças não é muito usual. Mas, estes existem, e estão disponíveis para ti, para resolver as tuas dúvidas e dificuldades.

Quem recorre ao consultor de finanças pessoais:

Os jogadores de futebol, por exemplo, são aqueles que mais recorrem a um consultor. Quando assinam os seus contratos, se não tiverem uma visão estratégica, não souberem como investir e começarem a adquirir propriedades, carros, entre outros, podem perder tudo.

O mesmo acontece às empresas. Os consultores vão orientar para determinada oportunidade de investimento, quais os melhores produtos financeiros e que ações devem ser adquiridas.

Mas, toda a gente precisa de um consultor, independentemente da quantia monetária de que dispõe. E porquê? Porque o consultor vai ajudar a evitar dívidas ou a ultrapassá-las. Presta apoio e elabora planos de recuperação com vista ao crescimento do dinheiro.

Desde a análise, às soluções e ao acompanhamento, a gestão que teria de ser feita por nós e sem grande conhecimento, torna-se mais fácil.

Ao estarmos num papel de estudantes, crescemos e aprendemos. Passamos a ter conhecimentos que antes não tínhamos. Métodos que podemos reutilizar e que nos levarão à nossa saúde financeira.

Saúde financeira, como está a tua?

Quando falamos em saúde financeira, devemos primeiro perceber como está a nossa, para que depois possamos mais, facilmente, transmitir ao consultor de como precisamos da sua orientação.

Ou o que achamos que estamos a fazer de errado e queremos corrigir.

Existem cinco categorias de saúde financeira:

1. Doente: Tem dívidas e perde dinheiro todos os meses;

2. Confinado: Dependente do salário. Vive de mês em mês.

3. Saudável: Poupa e tem fundo de emergência. Consegue fazer face a imprevistos, mas não por muito tempo.

4. Em forma: Construiu dois fundos de emergência e tem seguros que o salvaguardam a longo prazo. Está neste momento a investir em ativos que geram rendimentos.

5. Imune: Alcançou a independência financeira. Está a investir todos os meses e pode fazer o que quiser, porque é o responsável por atingir o seu plano de vida.

Em que estado te encontras? Podes fazer a tua simulação aqui.

O que sabe o consultor de finanças pessoais:

Os consultores financeiros sabem como deves criar os teus orçamentos familiares, sair ou evitar a dívida e estabelecer objetivos e metas financeiras.

Oferecem conselhos de como gerir melhor as finanças pessoais, apresentando-te planos onde poderás realizar os teus objetivos a curto e a longo prazo.

No fundo, apresenta-te uma visão das várias fases da vida para as quais deves estar preparado.

Lida, também, com questões emocionais ligadas ao dinheiro.

Como o consultor de finanças pessoais te pode ajudar:

Um bom consultor financeiro ajuda-te e ensina-te a evitar que percas dinheiro. Sabias que os consultores financeiros não são só para pessoas ricas ou milionários?

Trabalhares com alguém que percebe de gestão é uma boa opção para perceberes como colocar os teus objetivos financeiros em andamento.

Melhora os aspetos da tua vida que sentes que estão em falta, como, por exemplo, a preparação para mudares de carreira, preparar o futuro dos filhos ou a tua reforma.

Como não existem soluções iguais, o serviço de um consultor financeiro é sempre personalizado. Porque podes precisar, apenas, de conselhos pontuais ou algo mais específico e abrangente.

Porque deves procurar a ajuda de um consultor financeiro?

O consultor de finanças pessoais, como especialista em finanças e investimento, vai acompanhar-te de forma personalizada. Porque todas as pessoas são diferentes e estão em situações diferentes na vida.

Os consultores na UniPeople, por exemplo, seguem a seguinte estrutura:

1. Diagnóstico: Identificar necessidades

Começam por identificar o que te limita:

  • Habitação;
  • Bens;
  • Saúde;
  • Vida;
  • Veículos;
  • Pet;
  • Acidentes pessoais;
  • Doenças graves.

2. Planeamento: Análise financeira e Construção do plano

Um consultor ajuda-te a orientar todos os aspectos da tua vida:

  • Seguros;
  • Créditos;
  • Poupança;
  • Fiscalidade;
  • Investimentos.

Antevém os imprevistos para que estejas preparado, assim como o teu futuro, assegurando o teu estilo de vida, por isso, diz-te como deves construir uma almofada financeira:

  • Fundo de emergência;
  • Carreira;
  • Família;
  • Reforma (Previdência Privada).

3. Implementação: Apresentação do plano e reuniões de acompanhamento

Assegura que chegas à independência financeira:

  • Património;
  • Concretização de sonhos;
  • Viagens.

Irás ter uma experiência de coaching personalizada e individual que te orientará para uma vida financeiramente segura e livre de dívidas. O propósito é que te sintas mais confiante em relação ao teu futuro.

Lembra-te que casar, ter filhos, receber uma herança ou mudar de emprego pode ter sérias implicações nas tuas finanças.

Encontra o teu consultor na UniPeople, contacta-os aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este website usa cookies para oferecer uma melhor experiência de utilizador. Ao usar este portal, aceita todas as cookies.