A vida financeira: preparar o próximo ano

É provável que os problemas se prolonguem no próximo ano na tua vida financeira. Pode existir uma desaceleração da inflação, mas a crise na habitação continua e as despesas não desaparecem de um ano para o outro.

Por isso, no próximo ano, tem como prioridade o que te poderá trazer uma melhor vida financeira. As tuas poupanças, a preparação da reforma e do próximo ano fiscal.

Melhora a tua vida financeira no próximo ano: poupa, prepara a reforma e cuida da tua saúde fiscal
Melhora a tua vida financeira no próximo ano: poupa, prepara a reforma e cuida da tua saúde fiscal

Menu do artigo

A poupança deve ser sempre uma prioridade

Calcula quanto precisas

Planear as finanças para teres uma vida financeira saudável, mas também, prudente, inclui a criação de um fundo de emergência para lidar com imprevistos, como a perda inesperada do emprego.

Uma boa prática é poupar o equivalente de três a seis meses de despesas ou baseado no teu salário. Calcula a quantia necessária para o teu fundo de emergência.

1. Regra geral: três a seis meses de despesas

Com três a seis meses de poupança, passas a ter uma segurança financeira robusta, permitindo que consigas pagar as tuas despesas no caso de adversidades financeiras.

2. Calcula as tuas despesas

Para calcular o valor adequado, analisa as tuas despesas mensais. Se tens despesas de 800€, significa que deves ter 2400€, o valor de três meses.

Assim ficas com uma estimativa inicial da quantia que deves ter guardada.

3. Desafio: poupar

Poupar para um fundo de emergência pode parecer, inicialmente, desafiador. Se o valor necessário estiver fora do teu alcance, considera começar com um objetivo inicial de, por exemplo, 50€. Este montante pode ser fundamental para enfrentar emergências menores, como avarias com eletrodomésticos ou despesas veterinárias.

4. Importância de poupar para uma vida financeira estável

Ter um fundo de emergência é importante para conseguir lidar com imprevistos financeiros sem contrair dívidas.

Proporciona tranquilidade e estabilidade financeira, permitindo que consigas enfrentar tempos difíceis com maior segurança.

Preparar a reforma

Contribuir para a tua reforma ao longo do ano é uma estratégia financeira que não deve ser colocada de parte, principalmente, porque a idade de reforma aumentou e, nunca se sabe, mas podes ter como objetivo financeiro a reforma antecipada.

Considera contribuir, sempre que possível, uma quantia do salário para o teu Plano Poupança Reforma, ou outros investimentos que possas ter feito.

Quanto mais cedo colocares o teu dinheiro num investimento mais tempo os retornos compostos estarão a trabalhar a sua magia.

Ao contribuir mensal ou regularmente crias um hábito financeiro saudável. Facilita a gestão das tuas finanças, mas também maximiza o potencial de crescimento dos teus investimentos ao longo do tempo.

Quando aproveitas o benefício dos juros compostos ganhas juros sobre o dinheiro que depositaste, permitindo que os teus investimentos cresçam exponencialmente ao longo do tempo.

Um objetivo a ter e que é muito importante na tua vida financeira é chegar à reforma com poupanças e investimentos
Um objetivo a ter e que é muito importante na tua vida financeira é chegar à reforma com poupanças e investimentos

Ano fiscal: a importância do IRS na vida financeira

O processo do IRS é importante na tua vida financeira para identificar todas as deduções e investimentos fiscais aplicáveis, assegurando que atinges o máximo das deduções.

Uma declaração de imposto mal preparada ou imprecisa pode levar à perda de benefícios.

Lembra-te que as deduções são feitas consoante o IVA e que existem limites máximos para todas as categorias. Quando esses limites são atingidos por mais faturas que tenhas com contribuinte já não recebes mais.

Preparar a tua declaração de IRS

Para aproveitar todas as deduções a que tens direito deves começar por validar todas as despesas pendentes no e-fatura. Desta forma consegues rapidamente validar se já atingiste os limites máximos de deduções ou se ainda podes pedir faturas para complemento.

Despesas gerais – Dedução 35% das despesas gerais até ao limite máximo de 250€

Saúde – Dedução 15% das despesas com saúde até ao limite máximo de 1000€

Educação – Dedução 30% das despesas com educação até ao limite máximo de 800€

Rendas – Dedução 15% do valor das rendas até ao limite máximo de 502€

Crédito Habitação contratos até final 2011 – Dedução 15% dos juros até ao limite máximo de 296€

Dedução do IVA limite máximo 250€ – Dedução 15% do IVA SUPORTADO com despesas de:

  • Restauração/Alojamento
  • Cabeleireiros
  • Ginásios
  • Reparações automóveis/motociclos
  • Jornais/revistas

Dedução 35% do IVA SUPORTADO com despesas de:

  • Atividades veterinárias

Dedução 100% do IVA SUPORTADO com despesas de:

  • Transportes públicos coletivos

Reembolso IRS

Quando se diz que é importante pedir e validar faturas é porque se tiveres noção se já atingiste ou não limites, podes, antes do ano terminar, atingir esses limites.

Como os cálculos variam de pessoa para pessoa ou de caso em caso, os PPR, por exemplo, apesar de terem benefícios, podes não receber na totalidade, devido aos limites que já foram alcançados e a dedução à coleta ser de 20% dentro dos seguintes limites:

  • Até 35 anos: 400 euros (tem de aplicar 2.000 euros)
  • Entre 35 e 50 anos: 350 euros (tem de aplicar 1.750 euros)
  • A partir dos 50 anos: 300 euros (tem de aplicar 1.500 euros)

Caso precises de ajuda, o melhor é falar com um contabilista e cuidar da tua vida fiscal e financeira.

Conclusão

Para ter uma vida financeira saudável deves ter estabilidade financeira, nomeadamente, poupanças, preparar o futuro e analisar a vida fiscal.

Com a subida do custo de vida é importante protegeres-te e mesmo que vejas sinais de abrandamento deves continuar a poupar e a investir.

Quanto mais tiveres cuidado com a tua vida financeira, mais fácil se torna fazer a gestão das tuas finanças pessoais.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este website usa cookies para oferecer uma melhor experiência de utilizador. Ao usar este portal, aceita todas as cookies.