Poupar na compra de livros

Admitamos. Os livros são caros. Todos queremos ter uma estante de sonho e poupar na compra de livros, mas parece ser uma missão impossível. Um leitor nunca tem livros suficientes. Por isso, primeiro ganha autocontrole e só depois é que começas a compra, seguida de uma boa leitura.

Menu do artigo

Poupar na compra de livros começa na estratégia que definires
Poupar na compra de livros começa na estratégia que definires

És alguém que está perdido entre histórias e que quer ter em casa uma estante alta, até ao teto, cheia de livros? Então o teu sonho não é impossível, mas exige algum controle, boas seleções e muita poupança.

Porque ter uma estante cheia de livros, não acontece da noite para o dia. Como um coleccionador e leitor o teu primeiro objetivo deve passar primeiro por poupar na compra de livros, evitar compras por impulso e ter a certeza que tens, apenas, os teus livros favoritos.

Poupar na compra de livros

1. Compras o livro, mas não lês

Entras numa livraria e vês aquela capa, lês a sinopse e ficas rendido? Então o objetivo, certamente, será comprar o livro.

Se ler é uma paixão, mas o livro fica pela estante a ganhar pó, significa que gastaste dinheiro e não usufruístes da tua compra.

O termo japonês explica isso mesmo. Tsundoku é a arte de comprar livros mas nunca os ler.

Só podes poupar se tiveres objetivos:

  • vou comprar este livro porque preciso dele;
  • não posso gastar dinheiro, por isso vou colocar na minha wishlist;
  • vou pedir este livro como prenda de aniversário;
  • vou poupar para comprar este livro;
  • só vou comprar quando terminar de ler as leituras atuais.

À medida que vais comprando e lendo a tua estante vai ficando completa.

Quais são os teus objetivos e como os vais alcançar?

2. Selecciona os livros que queres comprar

Todas as editoras revelam no início e a meio do ano alguns dos títulos que irão publicar. As pré-vendas, quando ficam disponíveis, o leitor é notificado através de newsletter (caso siga as editoras ou uma loja online dedicada à venda de livros), de publicidade nas redes sociais ou em entrevistas.

Esta é uma oportunidade para selecionar os livros que se quer comprar. Todos os leitores têm um género favorito, apesar de alguns no geral considerarem que têm um gosto mais eclético. No entanto, à partida, terão um livro que querem mesmo muito ler.

Para poupar na compra de livros escolhe só os livros que queres comprar, ler e ter na estante.

Para isso é importante investigar sobre:

  • a história;
  • o contexto ou o porquê que foi escrito;
  • o/a escritor/escritora;
  • se será uma série, trilogia ou standalone;
  • ler um excerto do livro;
  • ver entrevistas com autor e editora.

Sê criterioso na escolha.

Como os livros nos trazem novas ideias

Lisa Bu partilhou numa Ted Talk como os livros a fizeram descobrir novas ideias, culturas e/ou paixões.

3. Quantos livros compras por ano

Começa por decidir quanto é que vais gastar em livros, cria um orçamento e não ultrapasses esse valor.

No teu orçamento na categoria destinada à cultura, aponta os teus gastos. Podes comparar com outros anos para perceber quanto tens vindo a gastar.

Não depende do leitor que és ou de quantos livros lês num ano, por exemplo. Tens que perceber que num mês existem outras despesas e a tua prioridade são sempre as tuas necessidades.

Sabe mais sobre desejos vs necessidades.

Pensa na razão que está por trás da decisão da compra.

4. Subscreve serviços

Agora já te podes juntar a comunidades de leitores que partilham o mesmo gosto pela leitura.

Subscreves um serviço que te permite receber livros todos os meses. Algumas subscrições funcionam como surpresa, outras através dos livros que escolhes receber.

As subscrições são para caixas que além de te trazer o livro ou livros, traz ainda coisas relacionadas com as leituras. Desde comida, a marcadores, posters, puzzles, entre outros.

Tens comunidades para todos os gostos:

  • Book Gang: Clube do livro digital com sugestões todos os meses. Encontras livros de mistério, romance e sobre temáticas relevantes e atuais;
  • Clube Desrotina: A editora Desrotina traz leituras que vão mexer contigo. São diferentes e relevantes.

A vantagem é ter livros sempre para ler e saber quanto gastas por mês.

5. Compra, poupa e não gastes

Depois da tua compra ou da subscrição de um serviço podes continuar a ler de outras formas:

  • opta por ler ebooks de projetos como Gutenberg;
  • vai à biblioteca;
  • pede aos amigos e familiares livros emprestados;
  • subscreve o Kindle Unlimited;
  • lê cópias avançadas e ajuda novos autores – Netgalley.

Podes aproveitar para poupar na compra de livros através de:

  • promoções;
  • livros digitais (são mais baratos que os físicos);
  • venda em segunda mão;
  • feiras de velharias.

Existem muitas formas para ler um livro físico e, assim, não precisas de comprar todos os livros.

6. Torna-te um bookstragammer, booktoker ou booktube

Podes encontrar influenciadores literários em todas as redes sociais. Cada um destaca-se pelas leituras que faz, como as partilha, como dinamiza a sua rede social (texto, vídeo ou entrevistas) e interage com os seus seguidores.

Influenciam a compra de livros. Recebem livros das editoras que divulgam nos seus canais. Junta-te a estes influenciadores com uma conta na tua rede social favorita e cria conteúdo sobre as leituras que fazes.

Podes fazer de um hobby um rendimento extra, seja em livros ou outra atividade.

Nunca se sabe. Podes ser o próximo influenciador literário.

7. Nunca deixes de ler

Existem alturas que não temos tempo para ler ou não nos apetece. No entanto, o segredo é mesmo não deixar de ler, mesmo que sejam poucos os livros.

Um estudo realizado pela Porto Editora em 2019, mostrou que a maioria dos portugueses (52%) afirmou ler entre um e cinco livros por ano.

Outros 23% afirmaram ler entre seis e dez livros por ano, enquanto 10% disseram ler entre 11 e 20 livros por ano.

Já 3% afirmaram ler mais de 50 livros por ano.

Por isso, os hábitos de leitura são diferentes para todas as pessoas e não deve ser contabilizado pelo número de leituras feitas por ano.

Hábitos de leitura

Para nunca parar de ler, podes adquirir os teus livros da seguinte forma:

  • Considera a compra de livros em segunda mão – comprar livros usados pode ser uma maneira económica de adicionar livros à tua coleção. Procura livros em boas condições em sites de venda, alfarrabistas ou feiras de livros.
  • Procura grupos de trocas de livros nas redes sociais – na rede social facebook ou instagram, existem grupos com o único propósito de trocar livros por outros. Não vale a pena teres livros na estante que não gostaste de ler. Dá a oportunidade a que este seja lido por outro leitor.
  • Comprar com descontos – muitas editoras oferecem descontos mais competitivos do que sites de venda ou lojas. Está atento ao site das editoras ou às suas redes sociais para ver se há ofertas especiais, como quatro livros por 10€ ( a Editorial Presença já fez este tipo de oferta).
  • Cupons com desconto – muitas livrarias oferecem cupons de desconto para incentivar a compra.
  • Dias especiais – aproveita as promoções ao longo do ano com a Black Friday, Dia do Livro ou em outros eventos especiais. É a melhor altura para comprar e poupar.

Junta-te a iniciativas

O El Corte Inglês criou um clube do livro com os seus colaboradores com a colaboração do Plano Nacional de Leitura e já vai no terceiro ano.

Esta é uma excelente ideia a propor junto dos teus colegas de trabalho e/ou empresa.

No final, podem fazer trocas de livros e, assim, aumentar a coleção na tua estante.

A leitura promove o desenvolvimento criativo e o sentido crítico.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este website usa cookies para oferecer uma melhor experiência de utilizador. Ao usar este portal, aceita todas as cookies.