6 Razões para antecipar os saldos

Depois do Natal começam os saldos que vão de janeiro a fevereiro. Antecipar os saldos é uma forma organizada de preparar as compras.

Ao antecipar os saldos estás a preparar as tuas compras por prioridades
Ao antecipar os saldos estás a preparar as tuas compras por prioridades

É no início de janeiro, após comemorar o ano novo que muitas pessoas aproveitam para trocar as prendas de Natal. É, também, quando as lojas começam os saldos até à baixa de promoções em fevereiro.

Atualmente a diferença de preços varia entre os 20% e os 30%, raramente chegando aos 50%. Se estiveres à procura de algo específico, não esperes que o preço baixe muito, pois podes perder a oportunidade.

Menu do artigo

Antecipar os saldos

Quem procura as promoções, sabe que não vai conseguir evitar as filas, afinal, esperamos sempre que o preço baixe para comprar o que mais desejamos.

Encontramos preços em conta e, conseguimos poupar, mas qualquer gasto de dinheiro, acaba sempre por pesar no orçamento. Parece uma sugestão óbvia, mas antecipar os saldos é importante para evitares transtornos financeiros.

Vê o que queres para depois quando o preço baixar comprar logo.

A pior coisa que fazes é não antecipar os saldos. Só ir as compras por ir, sem um planeamento vai levar-te a perder o controlo financeiro
A pior coisa que fazes é não antecipar os saldos. Só ir às compras por ir, sem um planeamento vai levar-te a perder o controlo financeiro

1. Ter um orçamento curto

Com um orçamento curto dar prioridade a certos objetos e encontrar soluções mais baratas são dois passos importantes para não gastar muito.

Compara preços e lojas, porque se reparares na moda, por exemplo, as roupas apesar de terem tecidos diferentes, os cortes são sempre idênticos, então vais encontrar semelhanças.

Planeia atempadamente para descobrir estas pérolas no caos de marcas para não desesperares à última hora, a remoer-te porque o que querias já foi vendido.

2. Evitar o stress

Andar de loja em loja não é prático. Nunca chegas a ver tudo, não tens onde apontar os teus comentários e preços. Por isso, o online contribui para poupares combustível.

Agora, repara, tens de estar focado e concentrado. Nada de te desviar do objetivo, senão vais ter vontade de comprar coisas de que não precisas.

E gastar é mais fácil que comprar e o arrependimento chega mais rápido do que a saída do dinheiro.

3. Preparar a lista de compras com estas dicas

Começa por fazer uma lista onde coloques o valor que pretendes gastar em determinado objeto. Assim é mais fácil organizares-te, sem te desviar do orçamento familiar.

Compra só o que vai de encontro aos teus gostos, tenha qualidade (durabilidade) e que possas usar por muitos anos. As modas são temporárias e quando regressam trazem diferenças notáveis.

A loja online permite que sejas mais racional de que numa loja física, onde ficas exposto a fatores emocionais e de marketing ou campanhas que estejam a decorrer.

4. Poupar: dinheiro e tempo

Quando compras estás a assumir uma despesa que terás de repor no futuro, essencialmente, ou para ser mais objetiva, terás de repor esse dinheiro nas tuas poupanças nos próximos meses. Ao antecipar as despesas e ao preparares-te vais conseguir lidar melhor com a situação e afastar o risco de ficar endividado.

Para teres as Finanças Pessoais equilibradas é bom controlar as despesas. O tempo que temos ao nosso dispor deve ser aproveitado da melhor forma possível e, por isso, tira partido das tuas competências para garantir um plano definido e realista nas compras.

As decisões certas só acontecem quando estás a acompanhar as tuas despesas e o crescimento do teu dinheiro. Afinal, muitas vezes o que acontece é que o dinheiro é gasto e, na maioria das vezes, não sabemos exatamente em quê ou porquê.

5. Compreender a necessidade vs desejos nas compras

Quando te concentras apenas nos produtos que constam na tua lista, vais verificar que os gastos são bastante menores.

Isto acontece porque estás a controlar os teus gastos, a antecipar os saldos e a comprar não por impulso, mas, produtos dos quais realmente necessitas.

Satisfazer alguns desejos também é importante para o bem-estar emocional e psicológico. Encontrar um equilíbrio saudável entre atender às necessidades e permitir a compra de alguns desejos pode contribuir para uma vida financeira mais equilibrada e satisfatória.

6. Repensar como compramos

Repensar a maneira como compramos é uma abordagem que promove o hábito de consumo mais consciente e sustentável.

Impactas positivamente o meio ambiente, mas também tens um estilo de vida mais equilibrado e financeiramente responsável.

Conclusão

Antecipar os saldos, especialmente após o período de Natal permite evitar transtornos financeiros, ajuda a lidar melhor com as tuas finanças se tiveres um orçamento mais curto, com o stress de compras de última hora, e proporciona mais tempo e dinheiro.

Os saldos são perfeitos para levar o cliente a gastar impulsivamente. É preciso ter cuidado nas compras e com os passeios que se faz no shopping para não gastar desnecessariamente.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este website usa cookies para oferecer uma melhor experiência de utilizador. Ao usar este portal, aceita todas as cookies.